PDCIS

PDCIS - Contextualização

Criado em 2003, o Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS) é executado no Baixo Sul da Bahia e fomenta ações voltadas:

 

  • à educação de jovens no campo, integrados a suas famílias e com qualidade de vida;

 

  • ao cooperativismo rural, com beneficiamento de produtos e justa comercialização; e

 

  • à conservação dos recursos naturais, com apoio direto a produtores rurais no planejamento de suas propriedades e transferência de técnicas sustentáveis

 

O PDCIS, que articula o trabalho sinérgico de organizações da sociedade civil, propicia uma espiral de desenvolvimento que tende a acelerar e otimizar sua efetividade. A apropriação dessa engrenagem por parte da comunidade local é a transformação social vislumbrada, com o incentivo à formação de uma população rural protagonista, responsável pelo próprio desenvolvimento.

 

A coordenação da Fundação Odebrecht alia o fomento ao empresariamento – a TEO é compartilhada com as instituições parceiras –, com apoio à missão dessas instituições na qualificação da gestão, conformidade, na captação de recursos e parceria com investidores sociais. Atualmente, fazem parte desse ciclo de desenvolvimento e são apoiadas pela Fundação cinco instituições (quatro Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP e uma cooperativa), geridas de forma independente e autônomas*.

*Cinco outras que, em 2016, estavam ligadas ao PDCIS, construíram rumos diferentes no ano de 2017. A Cooperativa dos Aquicultores de Águas Continentais (Coopecon), a Casa Familiar das Águas (CFA) e a OSCIP Casa Jovem estão em processo de desmobilização. A Cooperativa dos Produtores de Palmito do Baixo Sul da Bahia (Coopalm) e o Instituto Direito e Cidadania (IDC) não estão mais vinculadas ao PDCIS e mantiveram atuação independente do apoio da Fundação Odebrecht.

Qual é a área

de atuação do PDCIS?

A atuação se dá no Baixo Sul da Bahia, em 11 municípios com cerca de 285 mil habitantes e uma população essencialmente rural, cuja renda média é de R$ 300 – menos da metade do valor nacional, que é de R$ 668 - e possui baixo nível de escolaridade: apenas 25% dos adolescentes com mais de 15 anos completam o ensino fundamental, quando a média nacional é de 53%. (Fonte: Censo IBGE 2010)

Instituições apoiadas

Casa Familiar

Agroflorestal (Cfaf)

Casa Familiar Rural

de Igrapiúna (CFR-I)

 

Casa Familiar

Rural de Presidente

Tancredo Neves (CFR-PTN)

Organização de

Conservação da

Terra (OCT)

Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan)

  • + Informações Corporativas

    FUNDAÇÃO ODEBRECHT

    Fabio Wanderley - Superintendente

    Cristiane Nascimento - Responsável pelo PDCIS

    Augusto Cruz - Governança & Jurídico

    Beatriz Lepkison - Pessoas & Organização

    José Ernesto Gonzalez - Finanças & Conformidade

    Vivian Barbosa - Comunicação

     

    Conselho de Curadores (Gestão 2017)

    Emílio Alves Odebrecht (Presidente)

    Gilberto Pedreira de Freitas Sá

    Luiz Antônio Schneider Alves de Almeida

    Luiz Fernando Souza Villar

    Newton Sergio de Souza

    Renato José Baiardi (Vice-Presidente)

    Rubens Ricupero

    Sergio Foguel

     

    EXPEDIENTE

    Produção - Área de Comunicação da Fundação Odebrecht

    Textos e Vídeos - Camila Giuliani

    Criação e Design - Marcus Valadão

     

    Imagens

    Acervos: Casa Familiar Agroflorestal, Casa Familiar Rural de Igrapiúna, Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves, Click Interativo, Cooperativa de Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves, Fundação Odebrecht, Odebrecht S.A. e Organização de Conservação da Terra

    Almir Bindilatti

    Fernando Flores

    Valdomiro Vicente Junior

     

    Revisão Linguística (Português) - Gilcia Beckel

    Tradução Inglês e Espanhol - Sérgio Senna

     

Fundação Odebrecht

E-mail: fundacao@odebrecht.com

Tel.: +55 (71) 3206-1752

 

Esta é uma publicação da Fundação Odebrecht - Av. Luís Viana, 2841, Ed. Odebrecht Paralela – CEP 41730-900, Salvador BA – Brasil

 

É permitida a reprodução do conteúdo desta publicação, desde que citada a fonte.